Entrevista

Human Capital A Novabase é uma empresa tecnológica. Qual a sua actividade principal Angola?

 

Filipe Lobo (FL): A Novabase é uma empresa de desenvolvimento de soluções tecnológicas e é a maior empresa tecnológica portuguesa. Em Angola temos dois vectores fundamentais de actuação: o primeiro é o desenvolvimento de soluções próprias com a marca Novabase aos nossos Clientes e o segundo é capacitar os nossos clientes com Capital Humano de excelência, no ramo tecnológico, para desenvolver e apoiar soluções internas dos clientes. Estes consultores são de perfil variado face às necessidades e expectativas dos nossos clientes.

 

Há quanto tempo existe a Novabase Academy?

FL: A Novabase Academy é uma iniciativa “marca” Novabase, que surge estrategicamente como meio de identificar e seleccionar o talento no sector das tecnologias. Recorremos a este programa para contratar os melhores e promovermos a sua inserção activa no mercado de trabalho. Posteriormente alocamos estes futuros consultores, com potencial e margem de evolução, nos nossos projectos. Esta iniciativa teve origem em 2006, são já 12 anos de aplicação deste modelo em várias geografias onde a Novabase actua. Em Angola iniciamos em 2012. O número de edições varia anualmente. É o mercado que dita a sua regularidade e ocorrência. Em Angola, o ano de 2018 marcará a edificação da 4a Edição Novabase Academy. É, no entanto, de salientar que a equipa responsável pela sua execução é a mesma e como tal trata-se de know how consolidado. Os mesmos especialistas Academy, Formadores, metodologias e programa é de igual modo aplicado em Angola.

 

Pode descrever em que consiste a vossa iniciativa?

Esta iniciativa tem como objectivo reunir os 20 melhores talentos IT de cada geração. Procuramos recém-graduados, ou finalistas em vias de obter graduação superior. Falo em graduados porque assistimos a percursos académicos com Mestrado ou Pós-Graduação quase sequencial à Licenciatura ou Bacharelato. Para encontrar os 20 melhores talentos definimos os meios académicos como fonte principal. Portanto todo o programa tem como ponto de partida a promoção junto das Universidades e Institutos Superiores. Com estas promoções e divulgações queremos atrair o máximo de candidaturas. É o volume de participação uma das chaves para o sucesso da iniciativa. Para se perceber a dimensão da Novabase Academy, nesta edição contamos com candidatos provenientes de 14 países e formados em 74 Instituições de Ensino. Prevemos que este número possa crescer e termos então cerca de 450 candidatos validados e aptos para integrarem as etapas de Selecção. Realizada a selecção dos 20 talentos, este restrito grupo irá então ser sujeito a um programa de formação intensivo. Este plano de formação é concebido para preparar os nossos potenciais consultores a melhor se adaptarem aos desafios próprios da sua actividade profissional. É uma formação com especial enfoque em ferramentas mobilizadas transversalmente à área técnica e comportamental. A aproximação à prática é conseguida por via da metodologia Design Thinking, com recurso a simulações onde todos os desafios são testados com sujeição a stress, cansaço, pressão, trabalho de equipa, etc. Moldamos as capacidades deles e conseguimos nestes momentos impulsionar as suas competências.

 

Qual a metodologia que vão aplicar no processo de selecção dos candidatos?

Quando falamos neste processo de selecção, dirigido a jovens tendencialmente com pouca experiência profissional formal, concentramo-nos naturalmente na identificação de potencial e não de provas dadas. Portanto, temos estruturadas etapas de selecção abrangentes que forneçam dados concretos para que possamos diagnosticar e identificar o potencial de cada um. As etapas são as seguintes: Dinâmicas de Grupo; Testes Individuais; Entrevistas Individuais; Matching de Motivações e competências técnicas e comportamentais aos projectos profissionais. Em cada etapa há um processo de selecção e triagem inerentes. A nossa pool de talento começará nos 450 candidatos a entrarem na 1ª etapa até restarem apenas 20.

LER MAIS

EDIÇÃO IMPRESSA

EDIÇÃO IMPRESSA

Ao subscrever a edição impressa você
irá receber a nossa revista na sua residência
ou local de trabalho.
SUBSCREVER
EDIÇÃO DIGITAL

EDIÇÃO DIGITAL

Subscreva a edição digital para poder ter
acesso ao conteúdo a partir de um smartphone,
tablet ou computador.
SUBSCREVER